Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
BR-163/PARÁ

Novos equipamentos reforçam os serviços de manutenção no trecho rodoviário no Pará

  • Publicado: Sábado, 04 de Março de 2017, 12h48
  • Última atualização em Quarta, 22 de Março de 2017, 15h26

Caminhões continuam a rodar pela rodovia e não há mais grandes filas no local.                                                                     

maquinasAs equipes de manutenção do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes - DNIT receberam neste sábado (4/3) novos equipamentos, reforçando os trabalhos executados no trecho da BR-163/PA, localizado entre Santa Luzia e Bela Vista do Caracol. As condições climáticas na região mudaram novamente e voltou a chover forte no local, mas as carretas continuam circulando na direção Norte, rumo a Miritituba. Quando há necessidade, o trânsito é interrompido para passagem de veículos no sentido Sul ou para realização de algum serviço das equipes do DNIT.

 

"O sistema Pare e Siga gera uma pequena retenção, mas o importante é que os caminhões não ficam mais parados, não há mais aqueles grandes engarrafamentos ", afirmou o Diretor Geral do DNIT, Valter Casimiro, que se encontra no Pará, acompanhando a execução dos serviços. O controle do fluxo de veículos o sistema Pare e Siga é feito pela PRF e Exército.
trabalho2

Leia também: 
> Tempo firma e BR-163 é liberada no Pará
Governo Federal cria Grupo de Trabalho e Comitê Gestor local para dar trafegabilidade imediata à BR-163 no Pará

 

A estimativa de fluxo médio de caminhões para esta época do ano na BR-163/PA é de 1.500 veículos por dia. Desde a noite de quarta-feira, as carretas começaram a ser liberadas no sentido Sul, rumo à Mato Grosso. No dia seguinte, o fluxo em direção a Miritituba passou a ser liberado, inicialmente carros e caminhões com cargas perecíveis, e posteriormente grandes carretas. Na noite da sexta-feira (03/03), o fluxo em direção ao Norte estava liberado.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação/DNIT

Foto/vídeo: Pedro Cavalcante

Assessoria de Comunicação
Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil

 

registrado em:

Notícias Relacionadas


Fim do conteúdo da página